Dinheiro da compra de testes de Covid é desviado.

A Operação Falso Negativo, provocada pelo Ministério Público do Distrito Federal, investiga tática de desvio de verbas na compra de testes de Covid-19 com dinheiro público. Prefeitos da Bahia e 2 deputados federais do estado estão na mira, suspeitos de transações ilícitas com recursos reservados para o combate da pandemia.

Na quarta-feira (03/03), que as suspeitas foram à público, a integrantes do Gaeco (Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas), do Ministério Público estadual (MP-BA), por promotores de Brasília, após o cumprimento de mandados de busca e apreensão em Salvador, Lauro de Freitas e São Gabriel, relativas à 4ª fase da Operação.

A conexão entre políticos baianos com a rede de corrupção montada na Secretaria de Saúde de Brasília (DF) foi desvendado nas etapas anteriores da Operação, após a apreensão do celular de Matias Machado, conhecido como o autor do plano.

Neste momento a Polícia Federal e o Gaeco irão obter os relatórios da investigação do Ministério Público de Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *