PORTO SEGURO: Motorista é detido após causar acidente com casal e bebê de 9 meses; homem fugiu sem prestar socorro

Um motorista foi detido após causar um acidente, que deixou um casal e um bebê de 9 meses feridos e fugir sem prestar socorro as vítimas, na noite de domingo (11), na BR 367, em Porto Seguro.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), tudo começou, quando os agentes federais foram acionados para atender um acidente na altura do quilômetro 46 da rodovia. A equipe saiu para o local informado e durante o trajeto foram informados que o motorista de um carro, teria causado um acidente e fugido sem prestar socorro.

Com base nas informações, os policiais localizaram o carro parado no pátio de um posto de combustível. De acordo com a PRF, o veículo apresentava danos e um homem realizava a troca de um dos pneus.

Segundo o órgão, inicialmente, ele negou que fosse o motorista do carro, mas sua versão foi desmentida pelos familiares que o acompanhavam. Em seguida, ele confessou ter se envolvido no acidente com a motocicleta, que era ocupada por um casal e um bebê de 9 meses.

O motorista, ainda de acordo com a PRF, relatou que decidiu sair do local por ser motorista profissional e temer perder sua carteira de habilitação.

O órgão informou que ele apresentava sinais evidentes de embriaguez, mas recusou-se a ser submetido ao teste com o bafômetro. Os próprios familiares testemunharam que ele fez uso de bebida alcóolica.

Em continuidade a ocorrência, os policiais se deslocaram ao Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro. Na unidade hospitalar, foram informados que as vítimas receberam atendimento médico.

O casal apresentava fraturas pelo corpo. Já o bebê estava com escoriações e pequenos arranhões, além de uma lesão no pé.

Ainda segundo a PRF, o motorista foi encaminhada à Polícia Judiciária local, para os procedimentos legais. Entre os crimes praticados está o de Omissão de Socorro, Lesão Corporal Culposa na direção de veículo automotor e Fuga do local do acidente.

Por: G1 BA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *