POLICIAL MILITAR DE FOLGA FAZ DISPAROS DE ARMA DE FOGO EM UM BAR EM EUNÁPOLIS E ATINGE EX NAMORADA

Neste domingo 24 de julho, por volta das 18:00 hora um policial militar de 31 anos, lotado na 7ª Companhia Independente de Polícia Militar (7ª CIPM) de Eunápolis, foi preso em flagrante após balear uma mulher de 27 anos em um bar. O caso aconteceu no bairro Colonial, na cidade de Eunápolis.

De acordo às informações, o soldado da PM estava de folga e, durante uma discussão com frequentadores do bar, sacou a pistola Taurus 9 mm da cintura e efetuou alguns disparos. Um dos tiros atingiu a perna da vítima, que é ex-namorada do agressor. Ela foi levada para o hospital e não corre risco de morte.

O policial foi preso por tentativa de homicídio, e está custodiado no quartel da 7ª CIPM. O comandante da companhia, major Vagner Gonçalves Ribeiro, disse que se manifestará somente depois de se inteirar da situação.

DISCUSSÃO GENERALIZADA

Em seu depoimento à polícia, o soldado disse que ele e a vítima tiveram uma relação amorosa, e que o namoro teria terminado em dezembro do ano passado. Ela estava acompanhada no bar de um homem que o soldado disse não conhecer. Segundo ele, a confusão começou quando esse rapaz começou a ofendê-lo com palavras de baixo calão. O policial disse que teve início uma discussão e ele foi cercado e ameaçado por outros frequentadores do bar.

O PM alegou que temia por sua vida e, por isso, sacou a pistola que estava na cintura, fazendo “dois ou três” disparos para o chão. Ele ressaltou que não tinha intenção de atingir a vítima. Após os tiros, os demais frequentadores conseguiram pegar a arma e conter o agressor até a chegada da guarnição da PM.

Em depoimento, o soldado afirmou que foi agredido com pauladas, chutes e socos pelas pessoas que estavam no bar, tendo sido, inclusive, amarrado. Ele foi encaminhado ao Hospital Regional de Eunápolis e, depois de medicado, foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.