China pede exoneração de Ernesto Araújo para liberar insumos de vacinas contra o coronavírus

Yang Wanming, embaixador da China em Brasília, expôs que o País pressiona pelo afastamento do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, para desvencilhar os insumos para produção de vacinas contra o coronavírus, Coronavac e Oxford, no Brasil.

A China relatou que os vínculos entre os Países ficaram desestabilizados após os ataques do chanceler contra o País, e quer um pedido de desculpas do governo Brasileiro.

Yang tem mencionado que, independentemente do País ter demorado para pedir os insumo,, a China consegue adiantar a entrega da matéria-prima para o imunizante.

No dia 20/01, representantes da China compareceram em reuniões com o presidente da câmara dos deputados, Rodrigo Maia, a ministra da agricultura, Tereza Cristina, e da saúde, Eduardo Pazuello.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *