A QUEM INTERESSA A NÃO ASSUNÇÃO DE XINHA NO LUGAR DE PEDRO QUEIROZ, E PORQUE?

EUNÁPOLIS – Uma pergunta fica no ar: A quem interessa que Xinha não assuma temporariamente a vaga de Pedro Queiroz pelo tempo do afastamento?
Essa pergunta tem sido feita constantemente, já que virou marca registrada a inobservância do atual presidente do legislativo, o vereador Jorge Maécio (PP). O mesmo tem usado de sua prerrogativa inerente ao cargo que atualmente ocupa e tem se negado a cumprir alguns ritos ordinários, previsto tanto no regimento interno da casa como também na Lei Orgânica do Município.
Quem pregava que fazia tudo dentro da legalidade no que está escrito no regimento da casa quanto na LOM, ultimamente Jorge Maécio tem sido meio ambíguo, ou seja, fala uma coisa e faz outra, mas só faz o que quer quando este é totalmente do seu interesse que parece ser cada vez mais escuso.
O primeiro ato de vistas grossas foi a demora em apresentar a plenária denúncia com provas concretas no que se tange ao CRIME DE RESPONSABILIDADE cometido pela chefe do executivo, Cordélia Torres de Almeida, quando na oportunidade a mesma além de RENUNCIA DE RECEITA, em um acordo envolvendo o loteamento GREEN GOLD, também concedeu parcelamento de dívida de IPTU além do permitido pela lei do REFIS.
O segundo ato do nobre edil/presidente da casa é a não leitura do pedido de afastamento de Pedro Queiroz para tratamento de moléstias (CRISES DE ANSIEDADE E DEPRESSÃO), durante a sessão ordinária posterior ao oficio entregue solicitando o próprio afastamento. Os outros edis tomaram conhecimento através da famosa RÁDIO PEÃO, quando a conversa de corredores toma proporção e a informação chega com ou sem filtro e para todo mundo. Estaria Jorge Maécio sendo orientado a protelar que Xinha assumisse a vacância? Ele não pode esquecer que não é permitido por lei a permanência de da vaga em aberto, sendo necessário o preenchimento da mesma.
Não se sabe nada do que se passa na cabeça do presidente, não se sabe se o mesmo está tentando ganhar tempo com a arbitrariedade do não chamamento do suplente e/ou se está sendo capitaneado por alguém que quer Xinha cada vez mais longe da casa de leis. Seria Xinha tão perigoso assim ao ponto de ser evitado de ocupar a vaga? Ao que parece que Xinha cometeu um crime ao se declarar pré-candidato a Deputado Estadual, e não querem permitir que o nome dele tome forças ainda maiores e atrapalhe os interesses dos demais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.