PROVÁVEL PRIMEIRO ESCÂNDALO DE CORRUPÇÃO NO GOVERNO TORRES/DAPÉ

  1. *ESCÂNDALO:* Ministério Público recomenda ao judiciário que suspenda EM CARÁTER de emergência uma licitação entre a Prefeitura e empresa A G serviços e Tecnologia.

Segundo a investigação do promotor de justiça Dinalmari Messias, Cordélia teria DIRECIONADO o certame licitatório para favorecer a referida empresa.

Entenda:

A prefeitura de Eunápolis interessada na vitória da empresa A G Serviços e Tecnologia teria incluído nos critérios da licitação itens insconstitucionais e DESNECESSÁRIOS para a contratação. A prefeitura sabia que as empresas concorrentes não teriam os critérios que eles haviam imposto, e somente a empresa A G serviços e Tecnologia poderia ser a vencedora, configurando assim fraude licitatoria.

O valor do contrato é de 10 MILHÕES DE REAIS.

O judiciário pode anular a qualquer momento a licitação, configurando o primeiro escândalo de corrupção envolvendo a gestão de Cordélia Dapé.

A denúncia acatada pelo Ministério Público Estadual, foi encabeçada pelo corajoso empresário Valvir Vieira.

E MAIS…

Em um ato arbitrário e desumano, Cordélia Torres e sua secretária de saúde Anara Sartorio comunicam que irão DESATIVAR a Policlínica Municipal (Cid Gama) situada no bairro Dinah Borges, em 60 dias.

“Falta” dinheiro para a saúde, mas ESBANJAM dinheiro em coisas para favorecimento pessoal.

Caso se configure o fechamento da Policlínica, construída e inaugurada pelo ex prefeito Robério Oliveira, Eunápolis passará por um dos maiores retrocessos administrativo, Cordélia mostra que está seguindo a cartilha de Paulo Dapé.

Fonte: Aline Werneck

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.